segunda-feira, 5 de julho de 2010

Costeleta de Porco Agridoce

Mais ou menos de 3 em 3 dias recebo a newsletter da revista Saveur, que sempre traz dicas e receitas maravilhosas. Há tempos veio a receita “Sweet and Sour Glazed Pork Chops”, algo como “Costeletas de Porco Agridoce”, e a minha boca encheu d´água. Na sexta-feira, mesmo com o desgosto do vexame da Seleção, apreciamos essa delícia, acompanhada de batatas assadas, arroz, feijão e uma saladinha.

Para receber a newsletter gratuita da Saveur, cadastre-se no site.

Costeleta de Porco Agridoce


(para 4 pessoas)


Ingredientes

4 costeletas de porco, corte francês (carré)
3 colheres de sopa de azeite de oliva extravirgem
Sal grosso e pimenta do reino moída na hora
1⁄3 de xícara de vinagre balsâmico
2 colheres de sopa de mel
4 colheres de sopa de manteiga sem sal
1 galho de alecrim fresco, cortado em pedaços

Modo de preparo

Coloque as costeletas em um prato; borrife com azeite, tempere generosamente com sal e pimenta; deixe descansar por 30 minutos. Misture o vinagre e o mel em uma panela pequena e cozinhe em fogo médio até que o líquido reduza a ¼ de xícara. Junte a manteiga e o alecrim e reserve. Enquanto isso, aqueça uma grelha ou frigideira em fogo médio-alto. Você pode fazer também na churrasqueira. Coloque as costeletas e cozinhe, virando ocasionalmente e pincelando com a redução de balsâmico e mel, até que esteja dourado e cozido (12 a 15 minutos). Transfira para o prato de servir e deixe repousar por 5 minutos antes de servir.



3 comentários:

Beca P. disse...

Ai, deu água da boca... Esse "glacê" com redução de balsâmico e mel foi uma ótima idéia... deve ser bom pra incrementar o filé de frango de todo dia tb!
Será que aquela redução pronta (sem o mel) do verdemar também dá certo Clara?
bjks

Clara Bello disse...

Ei, Beca, é de dar água na boca, ficou muito bom mesmo, e com o peito de frango também deve funcionar. Acho que se você fizer com a redução pronta, sem o mel, você não vai conseguir o efeito "agridoce". Uma idéia é misturar a redução pronta com o mel. Nesse caso, não precisa levar ao fogo. É uma panela a menos para sujar. Rsrs. Beijo!

Beca P. disse...

Verdade.... vou tentar então misturando com o mel pq geralmente vou pra cozinha no fds e a moça que trabalha em casa tem folga, aí panela a menos é comigo mesmo rs.
Bjo

Postar um comentário